Deadpool 2 – Maior, melhor e mais insano!

Quando anunciada a sequência de Deadpool, uma pergunta se fez: será que eles vão dar conta de entregar um filme tão bom quanto o primeiro?

Felizmente a resposta é sim!

Deadpool e Cable. Foto divulgação Deadpool 2.

Deadpool 2

Após o desfecho do 1º filme, Wade Wilson (Ryan Reynolds) eleva seu status de mercenário e é contratado para dar cabo de grandes mafiosos ao redor do mundo. Porém, um desses mafiosos escapa e volta para tentar dar cabo de sua vida, causando um estrago bem maior em sua já complicada vida pessoal. Ao mesmo tempo, Wade tem que lidar com um viajante do tempo que quer assassinar uma criança mutante que pode vir a se tornar um grande problema no futuro.
Com o sucesso estrondoso do primeiro, Deadpool 2 volta como esperávamos, maior, com efeitos melhores e com mais ação.

Dessa vez quem assina a direção é David Leitch (John Wick e Atômica) e a grande novidade no elenco fica por conta de Josh Brolin (Vingadores: Guerra Infinita) e a ótima atuação de Julian Dennison (Hunt for the Wilderpeople). Ryan Reynolds volta a dar vida ao papel do mercenário tagarela de maneira mais livre e segura. Todo o elenco principal também está de volta, com a adição de novos personagens como Cable (Josh Brolin), que se destaca por ser mais sério, amargurado e focado em sua missão, fazendo um contraponto com todo o tom do filme, um personagem que parece, realmente, vindo de outro “lugar” dentro deste universo, de Russel/Firefist (Julian Dennison), garoto que sofre maus tratos numa espécie de orfanato para mutantes e que é fio condutor de toda a trama e de Domino (Zazie Beetz), que tem grande destaque ao lado de Deadpool e mostra que o poder mutante de ter sorte (?) pode ser bem cinematográfico.

Josh Brolin como Cable. foto divulgação.

Josh Brolin como Cable. foto divulgação.

Apesar da produção como um todo ser tão boa quanto o primeiro filme, Deadpool 2 peca por repetir algumas piadas e por uma construção de roteiro muito semelhante ao anterior, com a divisão dos atos se apresentando quase como uma cópia. Algo que não incomoda, mas que fica evidente no 3º ato, onde os heróis chegam ao encontro dos vilões da mesma maneira vista no primeiro longa, com direito a musica, andar em câmera lenta e quebra da 4ª parede, mas que ainda assim funciona por apresentar novos personagens, ótimas coreografias de luta e boa química entre os personagens. Mais uma vez a ação misturada com comédia é o ponto alto da trama que traz participação de atores conhecidos como o pai do Chris… digo… Terry Crews (Os Mercenários), Bill Skarsgård (It: A coisa) e Eddie Marsan (Sherlock Holmes, Hancok), além da nem tão conhecida Shiori Kutsuna que entra como a mutante Yukio e é namorada da personagem de Brianna Hildebrand (Míssil Adolescente Megassônico), formando o primeiro casal LGBT de filmes de super-heróis.

Shiori Kutsuna e Brianna Hildebrand. Foto divulgação.

Shiori Kutsuna e Brianna Hildebrand como Yukio e Míssil Adolescente Megassônico. foto divulgação.

Deadpool 2 vale pela diversão e ação, seus novos personagens e por toda sátira ao gênero de super herói que é vista do começo ao fim, principalmente em suas quatro cenas pós-créditos. Mas peca por se repetir em algumas piadas e cenas.

Deadpool 2 estreia em 17 de Maio.

P.S. Toda a divulgação do filme é uma comédia a parte, vale a pena conferir.

Compartilhe!
Henrique Oliveira

Author: Henrique Oliveira

Nerd e sonhador que ama games e quadrinhos (e doces). Mais em @preto_geek

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>